Sexta-feira, 1 de Agosto de 2008

UMA ESTRANHA DITADURA

-

Finalmente  Viviane Forrester diz-nos:

-

Todos começam a compreender que a salvação não está numa corrida atrás de um modelo esgotado que mantem a submissão, num passado sem fim prometido como futuro, à custa dum presente sacrificado, mas, pelo contrário, num presente assumido, capaz de rejeitar uma política que celebra a Declaração dos Direitos do Homem, mas a considera prejudicial à modernidade.

 

Resistir é, em primeiro lugar, recusar. A urgência reside hoje em dia nessa recusa que nada tem de negativo, que é um acto indispensável, vital. A prioridade é recusar o horror económico, sair da armadilha e, a partir daí, avançar.

-

A urgência não está na resolução imediata de problemas falseados, mas no acto de pôr imediatamente os verdadeiros problemas e de se opor àquilo que os suscita sem ainda ter decidido o que sucederá àquilo que se descarta. A "solução" não reside na proposta de outro modelo, de um kit de substituição, na promessa de uma sociedade completamente nova, completamente limpa, garantida  chaves-na-mão; sabe-se hoje o que valem os modelos...

-

Tambem não reside numa receita, num modelo de emprego que certifique o êxito dessa posição, mas nos riscos assumidos a recusar o inadmissível. Exigir promessas antes de resistir é resistir à própria ideia de resistência e fazer o jogo dos poderes instalados. Conhecemos as mil e uma soluções propostas todos os dias, todas as semanas, todos os meses, com os resultados que se sabe. E as que correspondem a problemas fabricados ou falseados em função da resposta que lhe for dada.

-

Não são as respostas às questões sugeridas ou impostas pelo sistema a propósito do sistema que têm que ser descobertas sem demora, mas, pelo contrário, a armadilha que representam; os postolados e diktats a partir dos quais são formuladas, legitimando antecipadamente o que é controverso, já terão feito figura de respostas.

Qualquer resistência passa em primeiro lugar pela identificação e pela rejeição desse circulo vicioso. Visto do interior, nada é possível fora dos seus pontos de vista monomaníacos, obsessivos, que as suas propagandas difundem.

-

Espero que tenham gostado destes aperitivos sobre este pequeno grande livro.

Bom apetite!

publicado por POESIA-NO-POPULAR às 23:24
link do post | comentar | favorito
|
13 comentários:
De maria a 2 de Agosto de 2008 às 01:22
Três dias fora, sem computador, agora com tanto para ler....
Bom apetite.... onde é o almoço? E o que é? Só pode ser sardinha assada....

Beijios


De POESIA-NO-POPULAR a 2 de Agosto de 2008 às 12:38
Maria
Quem te quer ver...é na folia, agra toca a trabalhar.
O almoço é aquí no "Caniçal" e não são sardinhas mas, carapaus grelhados! Bora!
Beijão


De MPS a 2 de Agosto de 2008 às 10:01
Caro Manangão

Aqui prossegue a denúncia das aparências que nos querem impor como factos sem alternativa. Faz bem o meu amigo.

Gostei particularmente do poema dedicado à Arrábida, a serra mais linda do nosso País. Calcorreei-a de lés a lés e em cada passo dado sentia esse chamamento misterioso´e inconfundível que é o dela.

Um abraço


De POESIA-NO-POPULAR a 2 de Agosto de 2008 às 12:52
Olá carissima amiga MPS
Já tinha notado a sua ausência, mas , como sei dos seus afazeres, não fiquei preocupado!
Nunca é demais lembrar os cidadãos menos avisados, até porque;o perigo é real.
Onde moro estou sempre a ver a Serra, mas quando penetro nela , não sei se me sinto maior, se mais pequeno, perco a vontade de falar, reforço o meu sentido de observação, é defacto como diz, um chamamento misterioso.
Amiga muito obrigado pelo seu comentário, que é sempre um valor acrescentado ao meu blog.
Um abração


De amigona a 2 de Agosto de 2008 às 18:54
Como gostei de ler! Vou comprar! Um abraço meu amigo...


De POESIA-NO-POPULAR a 2 de Agosto de 2008 às 20:54
Olá amigona
Então regressada às lides blogosféricas, não é verdade?
Fazes muito bem em comprar este livro , que nos ajuda a entender muitas situações!
Um abraço Amiga
JM


De Zorze a 3 de Agosto de 2008 às 00:40
De facto um livro que vale a pena ler.
Vou comprar já nesta semana que se vai iniciar.

Abraço,
Zorze


De POESIA-NO-POPULAR a 3 de Agosto de 2008 às 12:07
Zorze
Penso que politicamente, se fica ainda mais euriquecido depois de ler-mos este livro, pelo facto de ele divulgar, as experiências desta grande jornalista e escritora.
Abraço amigo


De Justine a 3 de Agosto de 2008 às 11:10
É sem dúvida um livro a não perder.
Excelente referência, e obrigada por referires a obra da Forrester
Abraço


De POESIA-NO-POPULAR a 3 de Agosto de 2008 às 12:11
Olá justine
Obrigado pelo comentário!
Os livros são todos para ler, só que alguns são para reler.
Abraço amiga
JM


De CRN a 3 de Agosto de 2008 às 18:53
Olá Poesia,
Recusar deve se a postura no contexto actual, uma questão de evitar tornar-nos borregos desta corja, contudo, penso que não deve dar lugar a que nos considerêmos lobos e que no fim, deste, só lhe vistâmos a pele, sendo da mesma forma manipulados como os primeiros, é fundamental o esclarecimento,aquele que nos permitirá dizêr sim porque queremos, aquele que deve ajudar o nosso Povo a elevar-se o suficiente como para deixar sem espaço a corja que nos rouba e adormila há 33 anos.
Solidariedade, coesão mas sobretudo liberdade, são armas das quais o ser humano não pode carecer para crescer em paz com ele mesmo e com quem o rodeia.
Também há que dizêr Avante!!


De POESIA-NO-POPULAR a 3 de Agosto de 2008 às 19:34
Um bom comentário é o complemento de um bom post!
Este teu comentário é uma mais valia , as tuas palavras justificam esta minha opinião.
Um grande abraço companheiro. ainda não confirmei , mas nem será preciso- Setembro 6 ás 20h , lá estaremos.
JM


De fernando samuel a 4 de Agosto de 2008 às 09:46
Obrigado: já pedi emprestado e já li...

Abraço amigo.


Comentar post

."MAIS SOBRE MIM"

.pesquisar

 

.Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

25
26
27
28


."POSTS RECENTES"

. QUEM TE VIU PORTUGAL!

. COM ABRIL NO PENSAMENTO

. OS POLÍTICOS

. VAMOS MONDAR ABRIL!!!!!!

. OS ALGOZES EM DELÍRIO.

. É URGENTISSIMO.

. A "CARIDADEZINHA"

. ACORDAI POVO!

. CAMINHOS ENVIESADOS

. CHOVEU NO FORMIGUEIRO

. ...

. "TEU SORRISO UM POEMA"

. HOJE COMO ONTEM!

. QUEM É... QUE CONTINUA A ...

. PARABENS CRAVO DE ABRI...

. SÁBADO 1 DE OUTUBRO

. DEMOCRACIA SEM ADJECTIVOS

. QUE MAIS TERÁ DE ACONTECE...

. FESTA DO ÁVANTE 2011

. "NÃO HÁ FESTA COMO ESTA2

. O TEMPO É DE LUTA!

. É URGENTE!

. SERÃO PRECISAS, AS PALAVR...

. JUNHO DE MÁ MEMÓRIA!

. COMO EU OS VEJO!

. ERA MAIO COM CHEIRO DE AB...

. DIA 29, CONTRA OS TIRANOS...

. A MINHA PRIMAVERA

. A BATOTA CONTINUA!

. PARABENS PCP

.arquivos

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. DVD de ALFREDO MARCENEIR...

."LINKS"

blogs SAPO

.subscrever feeds