Terça-feira, 27 de Maio de 2008

"CONSELHO"

Foto descaradamente surripiada ao meu amigo Ludo do momentos e documentos

 

Não acreditem na bondade, dos que se dizem bondosos,

Que se servem da liberdade, para poderem ser mentirosos

Todo aquele que é bondoso, não precisa de o dizer,

-pratica o bem, é generoso, sem benefícios pretender

 

Não pode haver confusão,entre aquilo que é bondade

que se assemelha, mas não, confundir com "caridade"

A bondade é dignificante, seja por muito ou por pouco

-a "caridadezinha" é humilhante, quem a faz , espera troco

A bondade tem humildade, não pactua com o aparato

é irmã da solidariedade, gostam ambas do anonimato

 

Pensem bem nesta verdade, não liguem aos mentirosos,

que sentem a necessidade, de se dizerem bondosos

Algo pretendem esconder,com a sua falsa bondade,

usando a seu belo prazer, a hipocrisia e a liberdade.

 

Josémanangão

 

 

 

publicado por POESIA-NO-POPULAR às 16:38
link do post | comentar | favorito
|
27 comentários:
De maria a 27 de Maio de 2008 às 18:20
É assim mesmo que se fala, Camarada!!!

Um abraço, Manangão


De POESIA-NO-POPULAR a 27 de Maio de 2008 às 23:08
Maria
As coisas precisam ser ditas, e quem tiver a medida da carapúça que a enfie!
bjos Camarada
JM


De fernando samuel a 27 de Maio de 2008 às 19:02
Bonito e certeiro o teu poema.
Um abraço camarada.


De POESIA-NO-POPULAR a 27 de Maio de 2008 às 23:11
Fernando Samuel
Obrigado pelas palavras
Um abraço
JM


De jrd a 27 de Maio de 2008 às 21:20
Quanta sabedoria, meu Caro.
Está aqui tudo e em tempo real...
Abraço


De POESIA-NO-POPULAR a 27 de Maio de 2008 às 23:13
jrd
É preciso ensinar e aprender a desconfiar!
Um abraço Amigo
JM


De Crixus a 27 de Maio de 2008 às 21:53
Mais um belo poema, camarada e carregado de razão como sempre. Muitos dos que se fazem passar por caridosos e humanistas são coniventes com os grandes crimes que se têm cometido, e aqueles que ajem com abnegação, desprendimento e pureza são chamados de criminosos. Mas um dia far-se-a justiça. Um abraço


De POESIA-NO-POPULAR a 27 de Maio de 2008 às 23:15
Crixus
Esperemos que sim camarada, porque de hipócisia está o mundo a abarrotar!
Um abraço Camarada
JM


De MPS a 27 de Maio de 2008 às 22:37
Caro Manangão

Cresci numa terra em que se dizia: "faz o bem sem olhar a quem", expressão bebida directamente das palavras de Cristo "que a tua mão esquerda não saiba o que a direita dá!" Tais expressões significam caridade. Caridade quer dizer amor, ternura e apreço. Caridade é, para mim, uma virtude enorme e absolutamente necessária num mundo crivado de injustiça, repleto de gente sem pão nem abrigo nem amigos. O caridoso dignifica-se a si e àquele a quem dá.

O Manangão prefere chamar bondade àquilo a que chamo caridade. Creio entender porquê mas, desculpar-me-á, não concordo.

Humilhante é ter que mendigar o pão para a boca. Creio que nisso estaremos de acordo, assim como concordamos em que dar para receber não é dar, é comprar. Isso não é bondade porque também não é caridade.

Por favor, entenda as minhas palavras como uma simples troca de opiniões.

Um abraço


De POESIA-NO-POPULAR a 27 de Maio de 2008 às 23:41
Amiga MPS
Mas é claro que eu a entendo, tambem conhece a frase de Cristo "Ajuda-te e EU te ajudarei".
a bondade e a caridade à luz do dicionário, têm igual tradução de facto, eu devería ter posto aspas na "caridade"que neste caso poético tem para mim mais o sentido figurativo e prejurativo, relacionado com uma certa classe (social) que de social tem pouco, e que se dedicava e continua a fazer a tal "caridadezinha"para com ela conseguir o "votozinho" para o seu "partidozinho".
Obrigado por não me deixar "pôr o pé em ramo verde" o que mais gosto na vida, é de aprender.
abraço amiga
JM


De MPS a 28 de Maio de 2008 às 17:04
Caro Manangão

Não era minha intenção dar-lhe lições. Quem sou eu!
Tinha duas alternativas: ou não comentava - o que me parecia má criação - ou dava a minha opinião. É claro que entendi que se referia àquilo que Barata Moura chamou "caridadezinha", forma que certas pessoas têm de, alegando causas importantes, gastarem grande parte das contribuições com as festas que organizam a esse propósito. Ora, isso é a negação da própria caridade. Estamos de acordo em tudo, afinal!

Um abraço


De Zorze a 27 de Maio de 2008 às 23:14
Da falsidade dos caridosos está o Mundo cheio. Aliviam a consciência e deduzem no IRS ou no IRC conforme a situação fiscal que interessa. Que nojo esses sacanas !!!
Os Estados ainda lhes dão o Amén, porque, também lhes interessa.
Muito boa a distinção entre a Bondade e a Caridade feita em poema excelente, por ti, Amigo.

Abraço,
Zorze


De POESIA-NO-POPULAR a 27 de Maio de 2008 às 23:44
Zorze
Estás a lembrar o movimento Nacional Femenino, como eram "caridosas" aquelas damas!
Abraço amigo
JM


De Sal a 27 de Maio de 2008 às 23:23
Bom poema, camarada.
Como sempre acertas bem na verdade que se esconde por trás das palavras.

beijinhos


De POESIA-NO-POPULAR a 27 de Maio de 2008 às 23:48
Sal
Já são 66anos a ouvir e a tirar conclusões, e tenho a certeza que ainda não sei nada!
Como dizia o poeta "só sei que nada sei"
Bejinhos
JM


De Samuel a 28 de Maio de 2008 às 00:38
Por essas e por outras é que o Zé Barata Moura cantava, e ainda no outro dia voltou a cantar no Coliseu, o "Vamos brincar à caridadezinha".
Bons versos e bom conselho!

Abraço


De POESIA-NO-POPULAR a 28 de Maio de 2008 às 00:42
Pois camarada
O zé tambem é do tempo da caridadezinha, que está de regresso, mas mais sufisticada, como o (socialismo )do PS.
Abraço
JM


De Porca da Vila a 28 de Maio de 2008 às 18:20
Carradas de razão, meu caro. à caridadezinha devemos dizer não, obrigada!

Xi Grande


De POESIA-NO-POPULAR a 28 de Maio de 2008 às 20:44
Amiga PV
Chegaram 50 anos de" caridadezinha" precisamos é que não nos roubem!
Abração
JM


De justine a 28 de Maio de 2008 às 20:47
Grandes verdades, em ritmo belo de um poema esbelto!


De POESIA-NO-POPULAR a 28 de Maio de 2008 às 23:03
Justine
Obrigado minha amiga, e companheira de luta!
Abraço
JM


Comentar post

."MAIS SOBRE MIM"

.pesquisar

 

.Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

25
26
27
28


."POSTS RECENTES"

. QUEM TE VIU PORTUGAL!

. COM ABRIL NO PENSAMENTO

. OS POLÍTICOS

. VAMOS MONDAR ABRIL!!!!!!

. OS ALGOZES EM DELÍRIO.

. É URGENTISSIMO.

. A "CARIDADEZINHA"

. ACORDAI POVO!

. CAMINHOS ENVIESADOS

. CHOVEU NO FORMIGUEIRO

. ...

. "TEU SORRISO UM POEMA"

. HOJE COMO ONTEM!

. QUEM É... QUE CONTINUA A ...

. PARABENS CRAVO DE ABRI...

. SÁBADO 1 DE OUTUBRO

. DEMOCRACIA SEM ADJECTIVOS

. QUE MAIS TERÁ DE ACONTECE...

. FESTA DO ÁVANTE 2011

. "NÃO HÁ FESTA COMO ESTA2

. O TEMPO É DE LUTA!

. É URGENTE!

. SERÃO PRECISAS, AS PALAVR...

. JUNHO DE MÁ MEMÓRIA!

. COMO EU OS VEJO!

. ERA MAIO COM CHEIRO DE AB...

. DIA 29, CONTRA OS TIRANOS...

. A MINHA PRIMAVERA

. A BATOTA CONTINUA!

. PARABENS PCP

.arquivos

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. DVD de ALFREDO MARCENEIR...

."LINKS"

blogs SAPO

.subscrever feeds