Sábado, 26 de Janeiro de 2008

" COMO FOI POSSÍVEL "

DE  1974  ATÉ  2008

*

O PÃO AUMENTOU DE PREÇO 60 VEZES!

*

O SALÁRIO 25!

-

                                  1974                        2008

                                     ------                       -------

-

Pão (KG)                      12$00                        240$00

Leite(L)                        6$00                         150$00

Carne de vaca(KL)    100$00                      2200$00

Batatas (KG                  4$00                          98$00

Água (M3)                    4$50                         105$00

Azeite (L)                   59$00                        900$00

Electricidade (KWH)   2$00                           22$00

Gasólio (L)                     9$50                        240$00

Ovos (DZ)                   20$30                        360$00

-

Nota- estas comparações foram feitas usando o salário mínimo, por ser o ùnico indicador ofícial.

A comparação piora e muito para a população mais idosa, com prestações abaixo do salário mínimo.

-

Contra este estado de coisas...A LUTA É O CAMINHO!

-

FONTE  JORNAL  SEXTA

publicado por POESIA-NO-POPULAR às 17:43
link do post | comentar | favorito
|
9 comentários:
De São Banza a 26 de Janeiro de 2008 às 23:45
Bom exemplo...e ainda falta o leite!!

Incrível esta desvergonha completa!
Abraço.


De fernando samuel a 27 de Janeiro de 2008 às 11:25
Excelente forma de mostrares - com factos concretos - os efeitos da política de direita que há quase 32 anos nos esmaga... e de confirmarmos que a luta tem que continuar.
Um abraço grande.


De MPS a 29 de Janeiro de 2008 às 16:22
Caro José Manangão

Os números que apresenta são, obviamente, reais. Mas não me parece justo meter no mesmo saco todos os 33 anos de Abril. Lembro, ainda, que o estado social só foi criado com a revolução, por isso, em 1974, os mais pobres eram ainda mais pobres: uma vez doentes, desempregados ou velhos ficavam sem nenhuma forma de sustento. Restava-lhes a mendicidade e a emigração, própria ou dos filhos. Como transmontana sei bem do que falo: os amigos que têm a minha idade, quando vão de férias, partem de França; só eu parto de Lisboa! apesar dos ataques que o estado social tem sofrido, estamos hoje infinitamente melhor do que em 1974. Parece-me a mim!

Um abraço


De POESIA-NO-POPULAR a 29 de Janeiro de 2008 às 18:58
Querida amiga MPS
Estou plenamente de acordo consigo, estamos infinitamente melhor , eu não quero voltar ao ANTES
de (1974), nem tão pouco meto no mesmo saco estes 33 anos, poderia tê-los (peneirado) mas, pensei que íria criar maior polémica!
Ontem, no (prós e contras) Carlos Carvalhas, defeniu com muita clarividência um dos males que nos atinge a todos, e que se prende com o facto de: o grande capital em vez de pagar salários justos, preferiu dar crédito aos trabalhadores, actualmente 8o% dos portugueses está endividado.
Um povo endividaddo , perde poder reivindicativo, é um facto que: temos muitos brinquedos, o consumo está à nossa disposição mas, O SOCIAL nem tanto, ou antes pelo contrário!
Vêja minha amiga o descaramento não tem limites , agora até os certificados de aforro!
Como eu recordo com saudade...VASCO GONÇALVES.
Bem haja pelo seu comentário
um abraço
josé manangão


De São Banza a 30 de Janeiro de 2008 às 00:02
Só venho informar que a mnistra é pediatra e o ministro é advogado e que conheço este último, afinal.
Abraços.


De bloga comigo a 30 de Janeiro de 2008 às 15:23
Não começará a fome a andar por aí à solta? A pobreza envergonhada quantas refeições tomará por dia? Ler, o que eu recomendo, continua a ser um luxo. Até quando?

Bjos


De Samuel a 31 de Janeiro de 2008 às 17:40
O que faz falta é que também cresça exponencialmente o número de portugueses dispostos a fechar-lhe a porta na cara e mudar de vida.


De Aristides a 1 de Fevereiro de 2008 às 21:30
Camarada João:
Desconfio que as lagostas e o caviar não aumentaram tanto como o pão. E mesmo que isso tivesse acontecido a "eles" não lhes fazia diferença. É indigno do 25 de Abril este fosso entre os poucos cada vez mais ricos e os muitos cada vez mais pobres.
Um abraço camarada


De gr-gr a 5 de Fevereiro de 2008 às 18:22
Parabéns, camarada Poeta.
Magnífico post. Isto é serviço público!
São estes exemplos práticos que todos percebem que faz as pessoas entenderem, estes 32 anos de retrocesso democrático.
Se me permitires vou enviar para todos este post (devidamente identificado).

GR


Comentar post

."MAIS SOBRE MIM"

.pesquisar

 

.Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

25
26
27
28


."POSTS RECENTES"

. QUEM TE VIU PORTUGAL!

. COM ABRIL NO PENSAMENTO

. OS POLÍTICOS

. VAMOS MONDAR ABRIL!!!!!!

. OS ALGOZES EM DELÍRIO.

. É URGENTISSIMO.

. A "CARIDADEZINHA"

. ACORDAI POVO!

. CAMINHOS ENVIESADOS

. CHOVEU NO FORMIGUEIRO

. ...

. "TEU SORRISO UM POEMA"

. HOJE COMO ONTEM!

. QUEM É... QUE CONTINUA A ...

. PARABENS CRAVO DE ABRI...

. SÁBADO 1 DE OUTUBRO

. DEMOCRACIA SEM ADJECTIVOS

. QUE MAIS TERÁ DE ACONTECE...

. FESTA DO ÁVANTE 2011

. "NÃO HÁ FESTA COMO ESTA2

. O TEMPO É DE LUTA!

. É URGENTE!

. SERÃO PRECISAS, AS PALAVR...

. JUNHO DE MÁ MEMÓRIA!

. COMO EU OS VEJO!

. ERA MAIO COM CHEIRO DE AB...

. DIA 29, CONTRA OS TIRANOS...

. A MINHA PRIMAVERA

. A BATOTA CONTINUA!

. PARABENS PCP

.arquivos

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. DVD de ALFREDO MARCENEIR...

."LINKS"

blogs SAPO

.subscrever feeds